Rm 6:16-17

Quando Paulo aqui fala de obedecer ao pecado ou à justiça para vida ou para morte está se referindo à obediência de coração como vemos no verso 17. Porque aquele que obedece ao pecado de coração é servo do pecado, mas o que obedece à verdade é servo da verdade, e isto depende de ser nova ou velha criatura, de ter um coração novo (espiritual) ou o velho (carnal) que não entende Deus.

Não se tratam de obras mas de fé, não é o "fazer" mas sim o "ser", basicamente o novo nascimento.